quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Resenha Maria do Sol da autora Alice Raposo

Olá leitores tudo bem com vocês? Hoje eu trago a resenha do livro da autora parceira do blog Alice Raposo. 

Sinopse: “Um crime, uma culpa, um fantasma…”
Todo livro tem sua história, algo que foi o propulsor para sua criação. Maria do Sol surgiu de uma madrugada que trouxe um sonho. Durante o dia se materializou em um conto. Dois anos após, voltei-me para ela e a concluí.
 Pedrinho e Maria do Sol irão nos levar por um caminho sem volta. É claro! Pois todo percurso que se segue não há como retroceder em suas consequências. Por isso, agir sem pensar não é um meio a se seguir. Seremos morada das consequências de nossos atos.
Portanto, é tão importante analisar cada passo que será dado, não matematicamente como num jogo, pois a existência se tornaria fria e sem vida, mas com verdade, diálogo e sinceridade no agir.






Primeira coisa antes de tudo é que eu amei essa capa do livro simplesmente linda.


O livro nos conta a história de Pedrinho uma criança que vive na cidade com seus pais, quando vai passear na fazenda para comemorar o aniversário de sua avó, durante a festa Pedrinho conhece  menina Maria do Sol com quem começa a conversar e logo já viram amigos. Só que uma coisa terrível acontece e Pedrinho não imagina que esse fato que ocorrera mudaria completamente sua vida. Depois da festa que aconteceu na fazenda, Pedrinho e seus pais voltam para casa e continuam a levar a vida. O que os pais não percebem é que o filho vive solitário em seu mundo e que não possui amigos além da babá Milena com quem ele brinca.
Pedrinho cresce vira adolescente, mas mesmo assim ainda não consegue esquecer o dia terrível que aconteceu na fazendo na sua infância, a avó tenta sem muito sucesso alertar aos pais de Pedrinho a solidão que o filho, mas não obtém muito sucesso. Um ponto interessante  que a autora mostra no livro são os  fatos reais que acontecem no nosso dia a dia, pais que não tem tempo para a educação dos filhos e vivem somente em prol do trabalho deixando as verdadeiras coisas que fazem sentido na vida passarem despercebidas.

"Lembre-se, a vida não é só dinheiro não e tem muita coisa que o dinheiro não compra."

Pedrinho então cresce vai para faculdade e tenta levar uma vida normal tentando esquecer seu passado.

"O passado é um abismo que se abre e não temos como voltar, não é verdade?"

Achei muito interessante a narrativa da autora, uma leitura super leve que eu li em apenas um dia.
A partir do primeiro capítulo a história já prende o leitor pois deixa um suspense no ar. 

Um livro que nos deixa com desejo de  continuação de tão linda e surpreendente que a história é, super recomendo.

Sigam as redes socias da autora para saberem das últimas novidades e adquirem o livro.


Intagram:@alicenopaisdapoesia



Espero que tenham gostado e até o próximo post. 

2 comentários:

  1. Também adorei essa capa. Vou dar mais algumas olhadas sobre livro, gosto de leitura que faz um paralelo com a nossa vida, que pela correria do cotidiano não percebemos nossas ações errôneas.
    Parabéns Queila pela resenha!
    Beijooooos!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelo comentário May. Beijos.

    ResponderExcluir